sábado, 26 de fevereiro de 2011

Aquecimento Global: Nações Unidas pede ajuda a Hollywood

Já a algum tempo que as Nações (des)Unidas (N.U.) namoram as celebridades de modo a que estas usem a sua visibilidade para promover ideologias que estejam de acordo com as N.U. (Mia Farrow, Ricky Martin, George Clooney e a Angelina Jolie). É uma aliança que beneficia ambos: as estrelas de Hollywood buscam seriedade e as N.U. buscam publicidade.

Agora, a agência multinacional, acabada de sair de uma decepcionante ronda de negociações em Cancum, busca algo mais concreto: enredos em filmes, televisão e órgãos da socia-media (grupos sociais) chamando a atenção para os "perigos" do aquecimento global.

Este empreendimento vem numa altura em que a preocupação pública em relação ao aquecimento global caiu vertiginosamente nas sondagens, e o Congresso americano rejeitou legislação que visa diminuir as emissões de carbono.

O promotor do "Dia Global da Justiça Social", o socialista e secretário geral das N.U. Ban Ki-moon disse:

Geralmente eu falo com ministros e presidentes, mas isso tem as suas limitações.....Os produtores de filmes, os directores e os actores tem, por outro lado, alcance global.
Ban Ki-moon terá conversas com Don Cheadle e muitos outros convidados do mundo do cinema durante o “Global Creative Forum” , Terça-Feira no museu "Hammer".

O dia inclui palestras com nomes tais como "As Nações Unidas e Hollywood em Luta por um Planeta Mais Verde e Melhor", "Tornado o Aquecimento Global uma Questão QUENTE", "Dando Poder às Mulheres e Protegendo as Crianças Rumo a Um Mundo Mais Seguro".

(PS: Não sei como dar poder às mulheres vai ajudar no combate ao não-existente aquecimento global antropogénico.)


Se mais dúvidas houvessem da importância ideológica (não científica) da mitologia do "aquecimento global", este pedido de ajuda dos socialistas das Nações Unidas seria mais uma evidência poderosa. Como estão a perder terreno no campo das evidências e dos dados empíricos, as NU viram-se para as artes como forma de propagar a sua mitologia.

Claro que esta questão nada tem a ver com a ciência ou com o bem estar do homem, mas sim com o avanço do comunismo:

Se as nações ricas desistirem de Kyoto “seremos responsáveis por um ecocídio e um genocídio. Ou morre o capitalismo ou morre a mãe-Terra.
(Evo Morales, presidente da Bolívia: Cancún, dez 2010)
Por "mãe-terra" ele quer dizer "socialismo". As nações mais poluentes do mundo não são "as nações ricas" mas sim as nações onde impera o controle estatal da economia (China e países pobres de África e América do Sul). Os países que mais cuidado tem com o meio ambiente já são os países mais ricos. Se duvidam disto, façam estas perguntas: onde será que as ruas estão mais limpas, Suécia ou Índia? Suíça ou Bolívia? Onde é que os sistemas sanitários são mais fiáveis, Estados Unidos ou Congo? Canadá ou Argélia? Se isto é assim, porque é que os eco-fanáticos atacam as nações ricas em vez de atacarem os verdadeiros poluidores da Terra, a China comunista e os países dominados pelo socialismo?

Este ataque aos países ricos não visa a sua mudança de comportamento mas sim visa a "justiça ecológica" na forma de cheques chorudos para os países pobres. Ou seja, redistribuição da riqueza, tal como Marx queria.

A noção do "aquecimento global" é só mais uma frente de batalha do marxismo cultural tendo em vista a futura imposição do socialismo. Visto isto, só se deixa enganar quem quer.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Os 10 mandamentos do comentador responsável:
1. Não serás excessivamente longo.
2. Não dirás falso testemunho.
3. Não comentarás sem deixar o teu nome.
4. Não blasfemarás porque certamente o editor do blogue não terá por inocente quem blasfemar contra o seu Deus.
5. Não te desviarás do assunto.
6. Não responderás só com links.
7. Não usarás de linguagem PROFANA e GROSSEIRA.
8. Não serás demasiado curioso.
9. Não alegarás o que não podes evidenciar.
10. Não escreverás só em maiúsculas.
-------------
OBS: A moderação dos comentários está activada, portanto se o teu comentário não aparecer logo, é porque ainda não foi aprovado.

ATENÇÃO: Não será aceite comentário algum que não se faça acompanhar com o nome do comentador. ("Unknown" não é nome pessoal).

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

PRINT